A importância do professor no INGETI

Ao selecionar o quadro docente, o INGETI quis garantir que todos os profissionais parceiros do instituto compreendessem a missão, os valores, a forma de pensar e como aplicamos nossa metodologia. Lançamos um desafio: “traga sua experiência, mas abra mão para alcançar algo novo!”

Cientes de suas habilidades e competências, esses professores utilizam os recursos da melhor forma, potencializando resultados e evitando desperdícios. Nossos docentes são vistos como representantes do INGETI perante os bolsistas. Periodicamente realizamos formações continuadas e estamos desenvolvendo um Programa de Capacitação Docente, como forma de motivar e demonstrar a valorização desse profissionalismo. Enquanto a nossa cultura não valoriza a classe docente, vamos na contramão, pois eles são peça fundamental em todo o processo.

Nossos professores são compostos por mestres, especialistas (a maior parte) e graduados com vasta experiência profissional. São advogados, engenheiros, nutricionistas, técnicos, entre outras formações. Entre os especialistas destacamos profissionais com pós-graduação em Gestão Escolar, Gestão Pública, Educação Profissional, Gestão de Projetos, Nutrição Clínica e Esportiva, Direito Civil e Processual Civil, Psicopedagogia Clínica e Institucional, entre outros.

WhatsApp Image 2019-10-18 at 10.06.49.jpeg

O tema de tecnologia e acesso à informação não pode ser ignorado por um estabelecimento educacional que queira ser bem-conceituado. Por essa razão, ao capacitar professores, consegue-se suprir a necessidade de estar em dia com as novas tendências.

 Outro elemento favorável é o fato de que, ao capacitar os professores e demais funcionários, cria-se uma equipe coesa e adaptada à escola e seus princípios. Isso ajuda muito a manter os funcionários vinculados à instituição, evitando-se o turnover.

 Quando a escola prepara sua equipe de professores, pode deparar-se com profissionais qualificados tecnicamente, mas despreparados em termos emocionais (relacionamento com colegas e alunos). O oposto também é possível e nenhuma dessas situações é recomendada. Esse é um bom exemplo de como o treinamento poderá diagnosticar e sanar as lacunas, potencializando qualidades.

 Qual é a importância de capacitar professores?

 Se a escola não investe na capacitação profissional, ela não será viável a longo prazo, mesmo que ela invista em infraestrutura moderna e tecnológica, porque a intermediação entre o recurso e o aluno será falha.

 Quais são os benefícios para o ambiente escolar

A escola interessada em capacitar professores obtém muitas vantagens, como a promoção e a manutenção do padrão de qualidade da escola. Ela também conseguirá reduzir gastos, com ganho de eficiência do corpo docente.

 Outro benefício é a atração, para seu quadro, de profissionais mais preparados e dispostos a manterem-se inteirados da nova realidade.

 O treinamento de funcionários ajuda a escola a manter-se atualizada, colaborando com a sua reputação no mercado. Além disso, uma escola com professores treinados e ambientados às inovações tecnológicas e educacionais despertará o interesse não só dos pais, mas também dos alunos.

 Finalmente, queremos dizer que capacitar professores deve ser visto como um investimento. Deve-se abandonar as práticas mesquinhas que prejudicam o desenvolvimento do negócio sob a alegação de uma aparente contenção de gastos. Quem não se preocupa com essa questão terá consigo colaboradores acomodados e sem perspectiva profissional.

 Apenas quem está todos os dias dentro da sala de aula sabe quantos desafios precisam ser vencidos diariamente. A diversidade de necessidades dentro do espaço escolar é muito grande. Cada aluno apresenta uma personalidade e uma bagagem diferente, sendo assim, é preciso desenvolver técnicas e estratégias para aprender a lidar, com maestria, com tal diversidade, oferecendo o melhor aprendizado para todos os alunos.

 Além disso, a sociedade está se transformando rapidamente, sendo que o perfil dos estudantes passa por mudanças e, com essas transformações, surgem novas metodologias de ensino. É aí que entra a formação continuada, que nada mais é do que a capacitação frequente dos educadores.

 Esse processo pode ser realizado de diversas formas, como cursos intensivos ou de curta duração, palestras, oficinas, treinamentos, ou qualquer outro sistema que sirva para atualizar os professores sobre as questões da atualidade.

 Um dos objetivos da formação continuada é provocar, no docente, um desenvolvimento de habilidades para melhorar o processo de ensino-aprendizagem que ocorre dentro da instituição de ensino a cada dia.

Social Media